Museu da Inconfidência

Publicado em 2 de julho de 2018

Maiara Barbosa

Quem chega a Ouro Preto, logo o encontra, todo imponente em frente a Praça Tiradentes. Não tem como se perder nem dizer que “não deu tempo de visitar”, pois a história e a maioria dos caminhos se passam lá.

Lá já foi Casa da Câmara e cadeia. Agora, um dos prédios mais grandiosos de Ouro Preto reúne um acervo que vai desde oratórios e roupas até documentos e espadas para contar a história da cidade. A construção do prédio terminou em 1846, mas foi só em 1944 que ele viria a se tornar um museu.

São mais de 4 mil peças que relembram, não só a Inconfidência, mas também o modo de vida da sociedade mineira entre os séculos XVIII e XIX. Como a quantidade de peças era pouca para todo o casarão, muitas das obras contam da vida social, política e artística de Minas. Andar em um prédio tão grandioso faz se sentir pequeno.

O Museu foi criado numa época em que o resgate da memória brasileira começava a ganhar importância. A memória da Inconfidência está marcada nos documentos e nos objetos de uso pessoal da época. Entre tantas peças, foi guardado até mesmo um mapa feito por Tiradentes de municiamento de cavalos e seu relógio. Há ainda edições clandestinas de livros e móveis que levam a crer que tenham sido usados pelos participantes do movimento.

BOOKING.COM: RESERVE SUA HOSPEDAGEM AQUI!

Veja mais:

A claridade da sala dedicada ao movimento não é por acaso. A explicação é uma menção ao movimento do Iluminismo, que desencadeou a Inconfidência. As travas da forca de Tiradentes e a sentença escrita estão preservadas na Sala da Inconfidência.

Não é somente a Inconfidência que rege o museu. Entre anjos e santos, penteadeiras e telas, as peças do museu estão divididas em 16 classes nos dois pisos. Uma das salas é dedicada exclusivamente às obras de Aleijadinho. Em outra, por exemplo, estão expostos somente oratórios que eram instalados nas casas para as orações.

Uma das salas do Museu ainda recebe exposições temporárias de arte contemporânea, além de um auditório e um laboratório de restauração.

O Museu da Inconfidência funciona de terça a domingo, das 10h às 18h, mas os ingressos são vendidos somente até às 17h20.

 

booking.com faz cotação em diversas empresas/acomodações, garantindo os melhores preços e opções pra você. Reservando através deste link, você não paga nada a mais por isso e o Meu Destino é Logo Ali recebe uma contribuição. Com isso, você ajuda a manter o blog sempre atualizado e com novos conteúdos!

 

Adicionar a favoritos link permanente.

13 Comments

  1. Visitar Ouro Preto é mergulhar na história né?! Eu acho o esse museu o melhor e com certeza uma atração imperdível, já visitei mais de uma vez.

  2. Fomos para Ouro Preto ha 4 anos, durante a penúltima copa do mundo. Nao me lembro do museu. Fica no centrinho ?

  3. Oi, gostei muito do seu post e fiquei com muita vontade de conhecer. Qual o valor do ingresso?

  4. Como boa mineira que sou, amoooo Ouro Preto.
    O lugar simplesmente exala a história do Brasil.
    O Museu da Inconfidência é parada obrigatória, o cartão postal da nossa cidade querida.

  5. Suzy Freitas

    Ouro Preto é um destino imperdível para quem quer conhecer lugares históricos no Brasil.Visitei o Museu da Inconfidência, com filhos e sobrinhos adolescentes, e saímos todos encantados em ver de perto parte de nossa história que só conhecíamos nos livros!

  6. Silvia Carvalho

    Ainda não tive a oportunidade de conhecer Ouro Preto, mas cada vez que leio um post de lá fico com mais vontade! Legal saber um pouco mais sobre o que podemos conhecer na cidade! Quando for não vou deixar de visitar o museu!

  7. Esse é um dos museus de destaque em Ouro Preto, sem contar com as inúmeras igrejas que possuem muitas histórias para contar em seu interior. Fui a Ouro Preto no Carnaval de 2015. Já está na hora de voltar para matar as saudades.

  8. A pessoa lê este post e já começa a lamentar a viagem cancelada que eu faria para Minas ainda este ano. Ouro Preto entraria, com certeza, no meu roteiro. Mas gastei tanto na última viagem que tive que cancelar minha ida a MG. Deve ser incrível percorrer um museu que faz referência a uma parte tão importante da nossa história. E ainda com obras de Aleijadinho. Espero conhecer um dia!

  9. Alexandre Nunes

    Já fui duas vezes a charmosa Ouro Preto e o Museu da Inconfidência é parada mais que obrigatória. Lugar lindo e rico em história. Ah, sem falar na culinária mineira, a melhor do Brasil. abraços

  10. Eu ainda me pergunto, porque não fui ainda para Ouro Preto, pois é tipo de turismo que me agrada muito, lugar riquíssimo de histórias e memórias. Preciso me me programar e conhecer em breve. Dicas anotada bjs

  11. Já fui nesse museu, há muito tempo atrás, quando ainda era criança. Que máximo relembrar dessa história, principalmente da parte do Aleijadinho que tem lá. Lembro-me que estava estudando na escola exatamente isso.
    Nostalgia boa… hehehe
    Ótimo post!

  12. Adoro Ouro Preto, a cidade toda é um museu a céu aberto! E o Museu da Inconfidência é simplesmente demais, história do Brasil no mais alto grau! Belo post, parabéns.

  13. Um dos meus maiores sonhos de viagem dentro do Brasil é Ouro Preto!! Recentemente para consegui conhecer Tiradentes, mas Ouro o pPreto ainda está na listinh.
    O Museu da Inconfidência com certeza vai fazer parte do roteiro. Eu nem sabia que existia, obrigada!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *