Cliffs of Moher e as mais belas paisagens naturais da Irlanda

Publicado em 9 de outubro de 2018
Do precipício gramado é possível ver rochas, uma atrás da outra, formando Cliffs of Moher

Cliffs of Moher se formaram há mais de 320 milhões de anos

Maiara Barbosa

Em dias de neblina no caminho até o famoso conjunto rochoso de Cliffs of Moher, apenas o tom violeta e branco das flores rasteiras de Scurvy Grass saltam à vista. Já no fim da trilha a cortina de névoa, em dias de sorte, se despede do céu. O vento fica mais intenso e as montanhas imponentes vão surgindo atrás uma da outra, contrastando com o verde, agora então visto por completo na encosta.

Saiba mais:

No caminho até Cliffs of Moher, paisagem é composta por gramados com flores roxas

Scurvy Grass fazem parte da vegetação próximo de Cliffs of Moher @meudestinoelogoali

A formação geológica, que se estende por oito quilômetros, é surpreendente. O segredo por trás das falésias vem há cerca de 320 milhões de anos, durante um período chamado “carbonífero superior”. Naquela época, o local era muito mais quente e estava situado na foz de um grande rio. O rio, por sua vez, descia por ali trazendo com ele lama e areia e despejando-as por toda a área. Este material permaneceu ali e formou as camadas rochosas que hoje se vê.

Mais adiante, a trilha continua e o oceano é quem mostra sua força ao bater as águas violentamente na encosta.

Trilhas em Cliffs of Moher te levam a beira de precipícios @meudestinoelogoali

Mesmo há mais de 200 metros acima do mar, o barulho que vem lá debaixo ecoa intensamente a cada vez que as ondas castigam as pedras.

As águas de lá são sérias, em um tom de azul escuro e repassam a frieza das baixas temperaturas atmosférica.

Por ser internacionalmente conhecido como abrigo de diversas espécies de pássaros marinhos, como o puffin, mais de 200 hectares são protegidos por leis da União Européia. No extremo oeste da Irlanda, o parque recebe anualmente mais de um milhão de visitantes.

Entre as trilhas é impossível não parar para contemplar a imensidão da natureza intacta diante do Oceano Atlântico.

O ingresso para a visita custa € 8 para adultos e crianças, estudantes e idosos pagam preços especiais. Além das montanhas, o ingresso dá acesso ao centro de visitas, onde há informações sobre o local, a fauna e a flora, banheiros, restaurante e lojas de souvenirs.

Como chegar?

É possível visitar os Cliffs em um bate-e-volta partindo de Dublin. A viagem dura cerca de 3h. Muitas agências de turismo na capital oferecem pacotes de passeio com guias inclusos e visita à cidade de Galway num valor aproximado de € 40.

Quando o nevoeiro vai embora, é possivel avistar a formação rochosa de Cliffs of Moher @meudestinoelogoali

Adicionar a favoritos link permanente.

20 Comments

  1. Pingback:Galway e os encantos do oeste da Irlanda - Meu Destino é Logo Ali

  2. Luisa Coelho Netto Galiza

    Nossa… Já amei demais! Qualquer lugar no meio do mato é incrível pra mim. Com vista ainda, ganha meu coração!!!E sou doida pra conhecer a Irlanda….

  3. eu to sonhando com Dublin, se rolar, vou colocar esse passeio com certeza! Encantada com essa vista! coisa linda!

  4. Leio Galway e só lembro da música do Ed Sheeran! Kkkkkk

    Que lugar lindo!!! Essas trilhas são fáceis ou exigem algum preparo?

  5. Renata Telles

    Nossa, amei essa dica! Eu amooo tudo ligado à natureza e iria fazer milhoes de fotos lá! Dica anotadíssima!!

  6. Aii, to doida pra conhecer! Me pareceu um olhar meio mistico com natureza, exatamente o que amo! Obrigada por compartilhar!!

  7. Parece cenário de filme… imagino a vista dessa trilha à beira do precipício, parece incrível mesmo. Achei que a neblina deu um ar mais interessante ao lugar rs

  8. Que privilégio poder conhecer uma paisagem assim. Confesso que esta parte natural é o que mais me faz vontade de conhecer a Irlanda. Mais até do que a própria capital do país. E acredito que não me decepcionarei!

  9. Só conheci Dublin quando fui à Irlanda…
    Quem sabe da próxima vez…

  10. Nossa esse lugar é realmente incrível em ! Uma vista espetacular. Sempre imaginei a Irlanda com muitas paisagens naturais maravilhosas e seu post só confirma isso. Adorei

  11. Suzy Freitas

    Adoro lugares que podem ser visitados num bate-volta, rápido e prático! Não conheço a Irlanda e já anotei essa dica imperdível!

  12. STHEFANIA MEMELLI PEIXOTO

    Que coisa linda sua foto na Trilha em Cliffs of Moher!Gosto muito de tudo que envolve natureza e esse clima bucólico da Irlanda é muito lindo. Impossível não amar.

  13. Pingback:Trabalho voluntário: o dia em que fui contagiada pelo espírito solidário da Irlanda - Meu Destino é Logo Ali

  14. Pingback:Church Cathedral: A Igreja mais antiga de Dublin - Meu Destino é Logo Ali

  15. Pingback:Giant´s Causeway e Carrick a Rede Bridge: as belezas da Irlanda do Norte - Meu Destino é Logo Ali

  16. Pingback:A tradição dos PUBs irlandeses e o Temple Bar - Meu Destino é Logo Ali

  17. Pingback:O que faz da Trinity College uma universidade tão especial? - Meu Destino é Logo Ali

  18. Pingback:Dublin: a cidade que eu aprendi a amar - Meu Destino é Logo Ali

  19. Pingback:Titanic Experience: a história do trágico naufrágio contada em um museu - Meu Destino é Logo Ali

  20. As I website possessor I believe the articles here is really excellent, appreciate it for your efforts.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *