Skip to content

Cachoeira do Mosquito e Poço do Diabo: as belezas naturais que marcaram o garimpo

Do período em que havia extração de diamantes na Chapada Diamantina restou-se algumas algumas lembranças nas cidades da região do interior da Bahia e os nomes de algumas cachoeiras: a Cachoeira do Mosquito e o Poço do Diabo, que ficam no município de Mucugê.

A Cachoeira do Mosquito recebeu esse nome por conta dos tamanhos dos diamantes que foram extraídos do local: eles eram tão pequenos, que receberam o nome de mosquito pelos garimpeiros.

Mas a beleza do local é grandiosa aos olhos! Apesar da queda fina de água, e da inexistência de um poço profundo para nadar e mergulhar, não há quem saia sem se molhar de lá.

Como chegar na Cachoeira do Mosquito?

Partindo de Lençóis, até  Mucugê são 40 km de estrada, sendo um bom trecho asfaltado. A cachoeira fica dentro do Complexo Turístico Fazenda Santo Antônio. Pra adentrar no local é preciso pagar uma taxa de R$ 15. Caso você esteja acompanhado de uma agência de viagens, ou de um guia particular, provavelmente, o valor da taxa já estará incluso!

A estrutura do complexo oferece sanitários, redário, um mirante com vista pra queda d´água e restaurante com buffet de comida caseira.

A trilha até a Cachoeira do Mosquito, que é considerada uma das mais acessíveis da região, tem extensão de 1,2 km. O caminho, em sua grande maioria do percurso, são de degraus para decida.

Ao chegar na Cachoeira do Mosquito, dependendo do volume de chuvas, é possível ficar embaixo da queda d´água de 70 metros de altura. Em períodos de seca, a cachoeira praticamente seca.

Poço do Diabo

Outro ponto de parada, seguindo o percurso do Rio Mucugê é o Poço do Diabo. São várias as histórias que tentam justificar o nome do local, de beleza única, a uma figura diabólica. Uma delas remete ao período da escravidão, quando os negros que furtavam diamantes pra tentar comprar a própria liberdade eram detidos e mortos. O destino dado a eles era o poço, de águas escuras e avermelhadas que, segundo a crença popular, ficou desta cor por conta da presença do sangue desses corpos que seriam arremessados lá.

Lendas à parte, o Poço do Diabo é um destino pra toda família na Chapada Diamantina: a trilha até lá tem 1,5 km e, em grande parte, o percurso é plano, incluindo a travessia pelo curso d´água do Rio Mucugê. O trajeto dura cerca de meia hora.

Além disso, na entrada, fica uma lanchonete, com banheiros e loja de lembrancinhas. A entrada no local é gratuita.

 

Deixe um

Comentário

1 Comment

  1. Uma ótima opção para iniciar as visitas da Chapada! 🥰


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Salve no

Pinterest

Salve essas dicas no Pinterest e aproveite melhor a sua viagem pelo Brasil!
pins_mdela_pinterest

Escute no

Spotify

Outras

Viagens