Skip to content

Jardim Suspenso do Valongo: confira a história por trás desse cantinho redescoberto no Centro do Rio

Aos poucos, o lugar que foi construído para apagar as marcas da escravidão tem tido a sua real história revelada no Centro do Rio de Janeiro. Além da inspiração francesa para o jardim e das estátuas de deuses gregos, os verdadeiros personagens da história construída nas imediações do Jardim Suspenso do Valongo estão se tornando os protagonistas.

Na encosta do Morro da Conceição e distante apenas 200 metros do Cais do Valongo, local de desembarque dos africanos, o Jardim Suspenso do Valongo foi construído em 1906 e projetado por Luis Rey para apagar as marcas da escravidão na região conhecida como Pequena África.

Foto: Veja Rio

A região, onde antes funcionava o comércio de escravos, tornou-se uma ocupação de negros libertos e recebeu o nome “Pequena África” pelo compositor Heitor dos Prazeres.

A Pequena África do Rio de Janeiro compreende a área da Pedra do Sal, do Morro da Conceição,  Cais do Valongo, a Igreja dos Pretos Novos, o Largo do Depósito e a Igreja Negra, além do Jardim do Valongo. Somente nesta região do Cais do Valongo estima-se que cerca de 500 mil a um milhão de escravos desembarcaram por ali.

Saiba mais:

Hoje, a Pequena África faz parte do Circuito Histórico e Arqueológico da Celebração da Herança Africana. Já no Jardim Suspenso do Valongo foi criado o Centro Cultural da Pequena África, que guarda peças da arqueologia na Casa da Guarda.

A Casa da Guarda abriga uma exposição permanente com achados arqueológicos das escavações das obras do porto, como talheres, jarros e objetos de higiene pessoal utilizados pelos escravos.

Ao caminhar pelo jardim, entre as estátuas, os caminhos abertos em meio aos canteiros, é possível ver do outro lado da rua a fachada antiga de comércios, onde antes era feita a venda dos escravos e que também serviam de abrigo para aqueles que iam ser vendidos. Ao fim do horizonte fica o relógio da Estação Central do Brasil.

Como chegar no Jardim Suspenso do Valongo?

A melhor forma de chegar ao Jardim Suspenso do Valongo é pegar o metrô até a estação Presidente Vargas (ou Uruguaiana). Para quem vai de VLT, a estação mais próxima é a Parada dos Navios.

O Jardim Suspenso do Valongo fica na Rua Camerino, s/n.

IMPORTANTE: Antes de viajar, verifique as condições visitação no destino e siga sempre os protocolos de segurança e de higiene para o combate do coronavírus.

Deixe um

Comentário

Ninguém comentou ainda, seja o primeiro!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Salve no

Pinterest

Salve essas dicas no Pinterest e aproveite melhor a sua viagem pelo Brasil!
pins_mdela_pinterest

Escute no

Spotify

Outras

Viagens