7 coisas para se fazer ao visitar Caraíva

Publicado em 06 de janeiro de 2020

Maiara Barbosa

Caraíva é encontro do rio com o mar. Das crianças com a infância de verdade feita para brincar. Caraíva é respeito à natureza, é onde o tempo corre de acordo com as remadas do canoeiro e a maré.

Caraíva é cor… nas casinhas, na água do rio, na areia da praia, no verde da vegetação e no artesanato indígena. Caraíva também é música, seja ela no forró, samba, MPB ou até mesmo lambada.

Não se apaixonar por essa mistura que é Caraíva é quase impossível. Por isso, a vontade é de querer aproveitar sempre mais do paraíso escondido no sul da Bahia.

Saiba mais:

BOOKING.COM: RESERVE SUA HOSPEDAGEM AQUI!

Confira o que há de melhor para se fazer por lá:

1 – Conferir o artesanato de Caraíva

Assim como em toda a região sul da Bahia, os índios também marcam presença em Caraíva. Por lá, porém, a impressão é que eles vivem mais a vontade e verdadeiramente, sem querer (ou ter) que impressionar os visitantes. Mesmo sem vestimentas típicas e poucos adereços, os traços indígenas são facilmente percebidos nos rostos dos idosos, das mulheres que carregam cestos na cabeça e nas crianças que correm pelas ruas de areia.

Logo na chegada de Caraíva, na beira-rio, alguns índios expõem seus trabalhos manuais para a venda. São diversas opções de colares, brincos e pulseiras nos mais variados tamanhos e cores. Há também utensílios domésticos confeccionados em madeiras e enfeites.

Mais do que um presente ou lembrança, o comércio artesanal fortalece a economia local e ajuda a comunidade.

2 – Observar as mensagens das plaquinhas espalhadas em Caraíva

Sem dúvida você já deve ter se deparado com uma foto como essa acima. A simpática fachada é de uma loja de roupas que fica do lado esquerdo de Caraíva, a partir do desembarque da canoa, em direção ao mar.

Caraíva porém, é muito mais poesia e o jeito de se viver reflete nos pensamentos transmitidos nas plaquinhas fixadas nas paredes dos comércios e as ruas.

3 – Banho no Rio Caraíva

Um dos encantos de Caraíva é a possibilidade de poder se banhar nas águas do mar e também do Rio Caraíva. Na praia do rio existem algumas barracas, com cadeiras e espreguiçadeiras, tudo sem muito luxo, mas aconchegante.

As águas do rio são escuras é há quem aproveite para praticar stand up paddle. De águas calmas é possível encontrar crianças brincando na beira do rio tranquilamente.

4 – Observar as casinhas de pescadores de Caraíva

Próximo do trecho onde o Rio Caraíva encontra o mar, entre as barracas da praia, estão casinhas de pescadores e nativos.

Fotogênicas e coloridas, difícil é não se imaginar morando ali e descansando na rede de frente para o mar…

5 – Visitar a Capela de São Sebastião

Na parte alta de Caraíva, no lado oposto do encontro do rio com o mar, é onde fica a Capela de São Sebastião. No altar está a imagem do santo que é considerado um mártir da Igreja Católica, por ter morrido durante uma perseguição.

Luzes e flores enfeitam o altar. O vermelho da decoração se contrasta com a pintura azul e faz com que se tenha a impressão de que a capela saiu de um livro antigo de história.

Do lado de fora, uma cruz na praça sinaliza a capelinha, que fica bem próximo de uma grande árvore que dá sombra nos dias mais quentes.

6 – Noite em Caraíva

É quando escurece que Caraíva ganha ainda mais vida e anima os fãs de forró, de samba e até de lambada. A noite por lá reúne jovens e casais mais experientes para dançar, ou apenas ouvir uma música ao vivo nos barzinhos da parte alta do vilarejo.

7 – Prometer que vai voltar para passar mais tempo em Caraíva!

Caraíva tem hostels e pousadas para quem quiser se hospedar por lá e aproveitar tudo com mais calma. Para chegar até lá são 26 quilômetros, sendo a maioria do percurso em estrada de terra, partindo de Arraial d´Ajuda.

No final da viagem é preciso atravessar o Rio Caraíva. Antes da travessia, há um posto para o pagamento da taxa ambiental. O pagamento de R$ 10, porém, não é obrigatório.

A travessia do rio é rápida, não dura nem 10 minutos e o barqueiro cobra R$ 5 por pessoa.

DICA: Para quem tem pouco tempo, mas não quer perder a oportunidade de conhecer Caraíva, a dica é o passeio de bate e volta da Cacau Tour.

Os canais de comunicação estão sempre funcionando para agendar o seu passeio, nem que seja em cima da hora. O clima familiar da empresa faz também com que você se sinta de casa e despeje confiança na equipe da Cacau Tour.

A agência realiza passeios para Trancoso, Praia do Espelho, além de traslado e venda de ingressos para parques, festas, shows e eventos culturais de Arraial d´Ajuda.

A frota da Cacau Tour é outro diferencial da agência: são duas vans em ótimo estado de conservação, sempre nas mãos de motoristas experientes e competentes, que fazem a vez de guias. Outra novidade da agência é o aluguel de bike para passeios para conhecer Arraial d´Ajuda.

A Cacau Tour fica na Rua São Pedro, 27, no Centro de Arraial e atende seus clientes também pelo (73) 9901-6520.

*A viagem para Caraíva teve apoio da agência Cacau Tour. Apesar disso, as informações aqui descritas são livres de qualquer contraprestação.

 

booking.com faz cotação em diversas empresas/acomodações, garantindo os melhores preços e opções pra você. Reservando através deste link, você não paga nada a mais por isso e o Meu Destino é Logo Ali recebe uma contribuição. Com isso, você ajuda a manter o blog sempre atualizado e com novos conteúdos!

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *