Longe da agitação da Passarela do Álcool e dos restaurantes, o Centro Histórico de Porto Seguro revive memórias do início da colonização brasileira. Grupos de dança, museus, igrejas e monumentos remetem a chegada dos portugueses em 1500 e ao estilo de vida da época.

Logo na chegada do Centro Histórico, que fica na parte alta de Porto Seguro, um grupo de dança costuma apresentar números com facão e a tradicional capoeira. No tablado de madeira, sob o som de instrumentos de percussão, os visitantes são convidados para entrar na dança e participar da aula.

Na tranquilidade das ruas de terra, embaixo das sombras das árvores, estão vendedores de chocolate, índios com suas ervas e baianas com as tapiocas, acarajés e cocadas. O cacau também se adaptou bem ao clima do sul da Bahia e ficou conhecido como Ouro Branco. Do fruto se aproveita quase tudo: a casca é utilizada para a ração do gado, da manteiga se faz o chocolate, num processo que envolve a secagem e a torragem da manteiga.

Saiba mais:

Caminhando em direção ao Marco do Descobrimento fica a casa do médico Antônio Ricardo, conhecido como o primeiro médico de Porto Seguro.

Dr. Antônio ficou conhecido por atender os pobres e, em troca, recebia galinhas e sacos de farinha e feijão como forma de pagamento pelas consultas.

Das janelas dos casarões coloniais, com suas eiras, beiras e tribeiras, o tempo passa alheio aos minutos e segundos marcados no relógio.

A fama do “baiano preguiçoso” atinge até mesmo um gatinho que descansa na janela, sem se importar com a presença dos visitantes.

Monumentos Históricos de Porto Seguro

Ali também está a Igreja de São Benedito e a Praça de Nossa Senhora da Pena, voltada para o mar. A igreja foi construída em 1535 e recebeu apenas uma torre (de tamanho desproporcional) para que os impostos pagos fossem menor.

O conjunto arquitetônico e histórico de Porto Seguro se completa com a Casa de Câmara e Cadeia e com o Marco da Posse, feito de mármore. A história conta que a cadeia de Porto Seguro, que ficou em atividade até o século passado, era uma das mais temidas do Brasil. O espaço abrigava homens e mulheres e, para os marinheiros, a pior punição era estar aprisionado de frente para o mar e poder apenas observá-lo pelas frestas das grades da prisão.

Na época em que castigos eram aplicados na praça, os presos voltavam para as celas com feridas no corpo. Lá dentro eles ainda conviviam com as próprias fezes que não eram recolhidas. O único procedimento que ajudava na “limpeza” do espaço era o despejo de sal grosso.

A combinação das feridas abertas com as fezes e o sal grosso fazia com que os presos não resistissem a mais de seis meses, em média. Os moradores ainda contam que quando a prisão foi desativada para dar lugar ao Museu de Porto Seguro foram necessárias dezenas de caminhões para retirar o sal grosso que ainda estava no porão.

Com um pouco mais de caminhada, poucos metros a frente, fica o Farol de Porto Seguro e, à frente, o oceano se descortina no horizonte colorindo a paisagem com diversos tons de azul. Lá de cima, a brisa balança as fitinhas amarradas no mirante e também os barquinhos no mar.

A pedida para curtir o visual é uma saborosa cocada. A barraca do Centro Histórico, próximo do farol, está entre mais conhecidas e deliciosas de Porto Seguro.

DICA: Para conhecer o Centro Histórico de Porto Seguro não tem como fugir de um guia de turismo. A agência Porto Nativo tem como seu diferencial o tratamento logo no primeiro contato. Sempre gentis, os funcionários se demonstram atenciosos desde o agendamento dos passeios até o retorno do tour. Os guias qualificados da equipe não deixam passar despercebido nenhum detalhe ou curiosidade.

A Porto Nativo busca seus clientes nos hotéis e pousadas e, no retorno, todos desembarcam no mesmo local onde embarcaram. O transporte é sempre feito em veículos confortáveis e seguros. A empresa conta com três vans, um micro-ônibus e três carros de passeio na frota.

Os preços dos passeios costumam ser os mais em conta, entre as principais agências de Porto Seguro e, além da economia, outro benefício é a qualidade do serviço. O passeio da Rota do Descobrimento tem saída sempre às quintas-feiras. A agência Porto Nativo fica na Avenida 22 de Abril, 186, no Centro de Porto Seguro.

 

*A viagem para Porto Seguro teve apoio da agência Porto Nativo. Apesar disso, as informações aqui descritas são livres de qualquer contraprestação.

Salve essas dicas no Pinterest e aproveite melhor a sua viagem pelo Brasil!

8 Comments

  • Daniela
    Posted 10/12/2019

    Legal saber que Porto Seguro é muito mais do que festa! Adorei o post!

  • Caroline Rodrigues
    Posted 12/12/2019

    Nossa que horror.. Imagina os presos conviverem com as próprias fezes, machucados.. Não é a toa que era a prisão mais temida. Difícil passar mais de 6 meses vivo em um lugar destes.. Fui pra Porto Seguro quando tinha 17 anos com o pessoal da escola. Viagem de formatura de terceiro colegial.. Nem imaginava que tinha centro histórico heheheh. A gente só queria curtir a balada… quem diria que hoje eu só quero saber de história, cultura e natureza!

  • LUCIO FABIO DA COSTA JUNIOR
    Posted 13/12/2019

    Adorei o post. Eu preciso muito conhecer a Bahia. Salvador e Porto Seguro estão na minha lista de desejos. Adoro viagens assim cheia de atividades culturais, monumentos, cores e sabores.

  • Priscila
    Posted 15/12/2019

    Adorei esse post! To precisando voltar, vi que tem lugares que ainda não fui 🙂

  • Silvana
    Posted 15/12/2019

    Uma cidade como Porto Seguro que é repleta de história merece mesmo um guia. Eu adorei essa cidade, mas já faz algum tempo q fui. Preciso voltar. Adorei o post

  • Juliana
    Posted 16/12/2019

    Conhecer o centro histórico de Porto Seguro é conhecer a história do nosso país. Eu amei visitar a cidade e não tem como deixar de lado esse pedaço.

  • Luciana
    Posted 16/12/2019

    Estive em Porto Seguro recentemente e não consegui visitar o centro histórico. Lendo seu post e vendo suas fotos ja me arrependi. Preciso voltar.

    • Josi
      Posted 21/01/2020

      Porto Seguro é maravilhoso, as pessoas se enganam achando que é só “balada”, é pura cultura e beleza natural, o clima agradável,povo educado,cidade limpa!! Eu simplesmente amo, vale a pena conhecer!!!

Deixe um comentário

Newsletter

Deixe aqui seu e-mail para receber as novidades!

Meu Destino é Logo Ali  2020. Todos os direitos reservados.